10 setembro, 2011

INDOLOR


Hoje depois das saudades que parecem não ter fim, ainda espero sentado em meio a muita ventania mais o fato e que eu estou a espera de alguma coisa, mais não sei de que. Enquanto isso tudo passa, tudo se destrói mais nada me tem e nem me mantém atordoado por longas horas finitas...
Doce prazer de ter e nada ter...


Joanderson Ribeiro
10.11.2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário