11 junho, 2011

INSIGNIFICÂNCIA ABSOLUTA

                                                                                                               
Muitos gritam, outros não escutam...

Muitos querem, mais todos tem.
Muitos acreditam, mais ninguém tem a capacidade de ver.

Muitos apenas pisam, enquanto outros dignificam 
Muitos esqueceram, mais o que se passou nem sempre vira passado.
Muitos apostaram em uma derrota esmagadora, mais tudo foi perdido quando se descobriu que queremos muitos sobre o que ainda não aconteceu e o resultado disso e simples, diferente e totalmente adverso do que tanto se quiz. 

Afinal de contas estamos aqui para aprender e deixar que a lágrima dessa pelo rosto cansado através de gotículas de dor restauradas todas as vezes que reacendemos os tais sonhos, as vezes improváveis, mais de que de um certo modo muda tudo, ate meus pensamentos sordidos que me tem a esta hora.

Joanderson Ribeiro
11.06.2011



Nenhum comentário:

Postar um comentário