14 junho, 2011

FORTALECENTE

Numa manhã, ensolarada o único calor que enlouquece o corpo e a loucura de se estar vivo, fazendo com que tudo ao seu redor seja limitado aos seus passos, sabendo disso um simples ser humano se  ainda faz refém o medo que o rodeia amigavelmente. 


Joanderson Ribeiro
14.06.2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário