21 abril, 2011

ILUDA-ME

Há sempre algum tipo de esperança que atravessa o medo de não ter e o não conseguir que resulta sempre em realidade dura e crua, que pela qual corremos sem medo de tropeçar e assim cair no chão.

Joanderson Ribeiro
20. Abril.2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TANTO QUE SIM

O inesperado e sempre tendencioso aos olhos humanos. O talvez é sempre uma prática do suposto sim com uma leve pitada do não. Ligeiramente...