30 março, 2011

POUCAS VEZES.

Nas vésperas destas palavras tolas e tontas assim como eu... abrir meus olhos que a muito tempo que não via a luz do sol tão linda quanto minhas insonias de todo dia, afinal de contas sou um ser humano que esta sendo feliz, mais não você amor ignorante e impetuoso...

fuio ser feliz, e não mais voltarei.

Joanderson Ribeiro
30-03-2011

DESCANÇO AO ACASO

Deitei e durmi a fim de esquecer suas palavras tão bandida quanto o meu coração
Fugi a afim de não ter certeza que nada ocorreu
Corri pela rua, enquanto chovia para lavar o meu rosto
Quando realmente ja estava melhor, veio a saudade.
Suas palavras ainda estão em minha cabeça, pronunciadas pelo meu ego.
Deixei estas palavras para não mais te ter, mais ainda sim sou seu.
Faço tudo ao contrario, mais o que vale a pena se o certo e eu ser seu?
Minha alma ainda relembra como foi o sonho bom.
Vida minha, que aqui nestas palavras será esquecida como vario sonhos que deixei para traz, porem sei que será totalmente impossível.

Mais ainda há algum pingo de esperanças em minhas palavras, mais amargar que meus passos em busca de algo que nunca tive, um amor para recordar

Fui em busca dos meus passos que deixei lá atraz, e assim continuarei não mais a passos largos, mais agora mais fortes como aquela arvora ali fora se sustenta de pé ate nas horas de terriveis chuvas que parecem nunca passar...

Assim fui.. e não mais voltei para seus braços, um ser humano indecente... assim como eu

Joanderson Ribeiro
30-03-2011


ABANDONO

Como e bom saber que sua insignificância não e tão pequena quanto você mais e maior que seus passos mais cansados que sua esperança que acaba de te abandonar nomeio da rua da amargura, um ser humano passivo de tudo, talvez se estivesse aqui comigo tudo poderia ser resumidamente bom e a felicidade tornaria sua amiga a todos instante.

Ser humano tolo, igual a mim.


Joanderson Ribeiro
30-03-2011

HOJE, AGORA....

Nem sempre sua beleza me ajudou a ate amar, mais sempre te tive em meus braços ate o dia que você abriu meus olhos no meio do sonho, e hoje, nem mesmo a saudade me faz companhia ou miseras palavras me fazem ler suas cartas de um passado que virou pesadelo.

Depois disso tudo, sobrou eu.


Joanderson Ribeiro
30-03-2011

27 março, 2011

FIQUEI ASSIM

Sim, eu sei descrever voce,
mais prefiro ficar so nos pensamentos, que ja são
muitos, mais nem um pre-vê que eu te tenha para sempre..

Joanderson Ribeiro
27.03.2011

TUDO POSSO

Temos pouco tempo para ser muitos felizes, mais diante de tamanha comvicção que temos o que nos resta e sentir uma saudade absurda que a distancia faz crescer a cada segundo pasado por nós... Então vivamos hoje com toda força sem ter medo de um dia chorar. Assim com o caminhar do tempo logo estaremos aptos para desemvolver verdades que ate então eram desconhecidas como aquela nuvem que passa ali fora.

Joanderson Ribeiro
27.03.2011

26 março, 2011

OPCIONAL

Ha muitas palavras, mais nem uma se faz presente neste exato momento mais algo me chama atenção e diz que não e so por palavras que devemos nos comunicar, mais através de um olhar ou apenas gestos que ja dizem muita coisa.


Joanderson Ribeiro
26.03.2011

25 março, 2011

HOJE

Estive pensando em doces palavras para te contar,
mais do que vai adiantar se seus atos são
totalmente amargos como fel?......


Joanderson Ribeiro
25.03.2011

24 março, 2011

DESCONHECIMENTO

A certos momentos que o certo e ficar calado, e pronto para viver momentos intensos sem medo do que esta por vim, depois de certas palavras ditas a pessoas erradas.

Ainda te espero na espreitada da vida.

Ainda me julgo pelos acontecimentos dos dia sem fim,
sem querer ter certeza do que será um dia.


Joanderson Ribeiro
24.03.2011

22 março, 2011

INCONVENIENTE

Hoje deitei para dormi, mais certos sonhos sombrios ainda me fazem ter certeza que ainda estou vivo e que tudo pode mudar ate mesmo meus passos que agora são mais firmes, mais assim mesmo ainda estou na linha de tiro entre o tédio de todo dia e as ilusões que me esperam ali fora.


Ainda deitado, acordado em uma noite que não me aquece virei até achar o tal sono, mais o medo de fechar os olhos ainda me ronda, isso depois de uma cochilada que dei, rápida mais que deixou evidencias que não foi bom.


Através destas palavras te conto te fofoco sonho impertinente no dia dia.


Certa vez fecharei os olhos e não mais abrirei.



Joanderson Ribeiro

23-03-2011

21 março, 2011

DESEJOS

Nesta noite fria, ainda acordado até esta hora do dia, ainda tenho palavras que brotam da ponta dos meus dedos como agua chora do fundo de uma cachoeira.
Não sei parar e nem quando isos vai acontecer, mais quei estou, escrevendo afim de transmitir cada frase...
Joanderson Ribeiro
21.03.2011

20 março, 2011

OLHANDO

Ao invés de correr pela areia da praia ja molhada, me sentei
em um pequeno espaço em baixo de uma arvore,
para presenciar o por do sol, mais nada e tão lindo
como o brilho dos seus olhos.



Joanderson Ribeiro
20.03.2011

EU E TALVEZ VOCÊ

Escrevi seu nome na areia, na praia que banhou minha alma,
afim de te ter sempre em meus braços fortes e capazes de
te segurar quando tropessar em uma pedra.

Joanderson Ribeiro
20.03.2011

17 março, 2011

PARTIREI

Sou mais um na vida que busca e acha, mais ao contrário do meu querer, prefiro ficar aqui sentado olhando la fora as arvores se balançando, assim como meu coração.
Mais tenho que levantar dessa pequena cadeira e deixar-me levar pelo vento que transpassa pelo meu corpo levando a poeira acumulada durante o dia, mais uma coisa que ele não levou foi a forte dor que não amar.
por isso tentarei ser feliz, ate amanha talvez
ou somente hoje
e o minimo da vida
mais assim mesmo tentarei levantar e gritar sem nem um pouco de pudor.
Sem mesmo uma esperança acumulada

Diante disso tudo, estou, lutando e relutando contra a alegria dasquelas arvores que lá fora balançam alegremente.
Mais adiante, um bosque completamente varido pela ventania que ainda pouco passou por aqui.
Fechei os olhos e assim parei de sonhar.


Joanderson Ribeiro
17. 03. 2011

TRANSPARENTE

Nem tudo que esta sobre nossos olhos
e tão real como a agua que traz a vida,
porem nem todo coração esta preparado
para as dores que ele vai sentir logo após
um determinado amor adquirido pela vida.


Joanderson Ribeiro
17. 03. 2011

16 março, 2011

DOIS A ZERO

Hoje e um novo dia,
com novos sonhos
com novas dores
sem um novo amor

Ontem foi um dia típico
foi como anteontem sem novidades
sem um novo amor

Amanhã agora e desconhecido
assim como dois corações que se odeiam
que um dia se amaram
mais hoje só sobraram palavras de adeus.

sinceramente, tudo se acabou como o dia de ontem
passou e assim virou passado


Joanderson Ribeiro
17. 03. 2011

EU POR EU

Muitas vezes pretendi o inevitável.
Outras sonhei de olhos abertos
mais muitas das vezes quis o incorreto.

Outras diversas vezes preferir amar quem não vejo
Ou quem não existe, como minhas palavras.

Em outro mundo não sou um louco,
porem sou mais um que não pegou o atestado de sanidade.

Será que minhas palavras tem razão?


Joanderson Ribeiro
16. 03. 2011

ADEQUAÇÕES


Sol
Chuva
Amanhecer
Transformado
Inadequado
transfusão

Casa
Beleza
Felicidade
Amor
Intensidade

Alergia
Medo
Foi
Saudades
Porém

Tudo remete ao presente ausente
como a carta que nunca chegou
ou o medo que sempre existiu.


Joanderson Ribeiro
16. 03. 2011

SÓ POR HOJE

Nada de palavras
Nada de paixões,
Nda de socorros
Nada de letras que são traduzidas ao nada
Nada de acreditar em ti

Quero me livrar desse amor que me intendia a casa segundo passado
Quero quebrar barreiras de um novo amor
Quero fazer loucuras independentemente de quem seja.
Quero rasgara pra o mundo que nunca fui feliz

Mais além dessas palavras só consigo te olha pelos cantos do quarto
De um lado para o outro, e logo te chamo para deitar-se ali comigo na cama quente, onde tudo acaba se transformando em um tipo de felicidade instantânea.


Joanderson Ribeiro
16.03.2011

13 março, 2011

01 março, 2011

AMARGO COMO AMOR

Sem palavras
Sem preconceitos,
Sem amor
E muito menos sem palavras para expressar minha indignação contra minha pessoa
que amou o errado e ainda fez alguém sofrer pelo que não fez.
Mais ainda sim nessa noite fria, me deitarei e dormirei afim de esquecer minha palavras que cortaram seu coração e automaticamente queimou seu futuro e o que sobrou foram estas palavras mais inacabadas que minha vida..
Amou-me
Sem frescor
Sem nada
Sem ao menos um doce para assim amargar seu coração. AMARGAR?
Fomos felizes até quando a realidade ultrapassou nossos passos que até então eram perfeitos, como um mais um.
Sem nada, em uma noite fria e sozinho acabo estas palavras sacrificadas para não chorar de dor.

Joanderson Ribeiro
01*03*2011

AQUI

Na tristeza encontramos muitas vezes
algumas riquezas que achamos que perdemos,
como por exemplo forças para continuar.

JOANDERSON RIBEIRO
01. 03.2011

TANTO QUE SIM

O inesperado e sempre tendencioso aos olhos humanos. O talvez é sempre uma prática do suposto sim com uma leve pitada do não. Ligeiramente...