28 novembro, 2010

CONVITE DO BLOG

MINHAS PALAVRAS, MINHA VIDA

Agradei a ti e esquecia dos meus passos,
que estão cansados neste exato momento de tanto te querer e nada ter.

Nisso, acabei esquecendo que a felicidade nunca este com você,
apenas enganava-me deixando um brecha imensa entre meu coração e minhas palavras que não cessam nunca.

Aparentemente estou bem depois de um sonho que se tornou inadequado para mim viver.


Joanderson Ribeiro
28.NOV.2010

27 novembro, 2010

UMAS PALAVRAS

As vezes a mentira e mais delicada do que o
simples fato da verdade que não queremos ver ou ouvir,
mais quando chega a hora ninguém escapa,
hoje ou amanhã sempre estaremos a
mercê das verdadeiras histórias que
nos ocultaram para nos fazer felizes.

Joanderson Ribeiro
27.NOV.2010

VERDADE FEROZ

Há algo alèm da razão do não ter, que separa sonhos de uma realidade banal, como o amor.

GERADORES DE VIDA

"Muitas das palavras foram desfeitas,
mais eu posso avaliar tudo como um
aprendizagem que rege todos nós,
viver a vida".

Joanderson Ribeiro
23.NOV.2010

25 novembro, 2010

21 novembro, 2010

DELINQÜÊNCIA

Por traz de grandes palavras
a sempre um ser humano que
corre do medo atropelando a sua
paz que tanto zelava, talvez por medo de
perder acabou de perder o total respeito
por sim mesmo, quando o assunto e amor.
Se amou, mais não a si mesmo....

Palavras que acabam de acordo com
seus sonhos por uma amor que
aniquila sua vida a cada segundo passado.

Findaram seu coração, mais ainda esta vivo
para saber o que vai acontecer no dia seguinte.

Um grande abraço, ser humano insuportável,
arrogante e impetuoso, mais meu.


Joanderson Ribeiro
21.11.2010

PENSAMENTOS

20 novembro, 2010

RETRATOS 2

Quem te falou que não sou feliz,
até memso sem suas palavras
que me enganam sempre que
quero te ver feliz, mais nesse
jogo com certeza saio perdendo.
Joanderson Ribeiro
20.NOV.2010

RETRATOS

Além do ontem, estive pensando em como fui me envolver em uma rede de mentiras que não quero acabar. Talvez eu esteja em um sonho totalmente fora da realidade, mais com um passo avançado no amor.
Nessas palavras te quero mostrar o meu total descontrole sobe o coração que não esta vazio pelo contrario faz sentir-me mais vivo.
Tantas palavras trocadas, para nada:
Tantos momentos, para nada
Tantas trocas de palavras, para nada
A esperança neste sentimento não existe, e algo incompatível com meus passos, que já esta errada aos olhos da tal lei humana que tanto zelam, para nada
A realidade e outra que mostra sua presença diante de tal sentimento que as vezes e promiscuo, assim como você.
Doce não e, salgado também não, mais e algum tipo de sabor que lembra fracasso de não ter esperanças.
Mais pra isso tenho um remédio, meu eterno desprezo a você, amor enganador.

Joanderson Ribeiro
20.Nov.2010

19 novembro, 2010

TUDO E TÃO POUCO

Tudo pareceia difrerente;
O sol ainda não havia saído
As rosas fechadas revelava uma beleza desconhecida.
Meus pensamentos estavam cercados pelos seus.
Meus passos, com firmeza corriam atrás de você.
Seu sorriso tão insignificante, me enganava sempre.
Deixei passar tudo até mesmo suas palavras que supostamente me surpreendiam.


A cada segundo, tenho observado que o credito que te dei, foi colocado na lixeira da vida.
Talvez estas palavras não chegue até a você, assim como o amor que nunca tive gostava sim, de me enganar
Muitas das palavras que te falei, foram talvez induzidas pelo momento, que hoje não e nada.


Chove torrencialmente neste exato momento, e mais uma vez minha palavras foram surrupiadas pelas emoções avassaladoras.
Olhando pela janela da sala, nada encontro nem mesmo sonhos de um possível amor.
Já e tarde e não consigo deixar de pensar em ti, ser humano tão forte que nada vale.
Que amor e este, forte, capaz de resgatar das profundezas do coração algo tão imponente como a cor do céu ou dor da lagrima que rasga o meu peito, que até então era tão fortificado pela vida, que hoje mais uma vez nada vale.
Como era feliz e não sabia, desejaria continuar sem saber nada disso e viver mais um tempo no reino dos sonhos que nunca estiveram ali ou aqui comigo.
Depois de muitas palavras como esta, fui obrigado a estabelecer uma real vida com passos coerentes, agora sem amor e sem sonhos de um futuro imaginativo.
As palavras se acabaram, assim como tudo que houve em volta de um amor consideralvente inconsistente
Horrores de um amor indecente e indescritível ao meus olhos.



Joanderson Ribeiro
19.11.2010

15 novembro, 2010

HORIZONTALMENTE

A certo tempo para tudo ate mesmo para
chorar depois de um dia cansativo, como hoje.
para parar no meio do

caminho e não mais querer andar.

para sonhar com um
pé firme no presentes.

para sair correndo na rua,

na chuva.

para não se parar de pensar
no futuro vivendo no presente.

A tempo para se saber qual o caminho
a seguir depois de uma desistência logo após uma alegria.

Sabendo disso, viva cada milésimo de segundo a seguir.

Joanderson Ribeiro
15. NOV.2010


"Com tantas palavras em um curto espaço de tempo, não me perco em nem tropeço, porque alem disso a vida e bem breve.
Restando-me pedir desculpas e voltando automaticamente para o caminho perseguido com tanto ardor e luta."
...

Joanderson Ribeiro
15. NOV.2010

NOVAMENTE

Depois da alegria
vem sempre uma
tristeza regada a
dor de fazer tudo
novamente, ate sorrir
sem tempo ou tentar reaver tudo.

Joanderson Ribeiro
15. NOV.2010

ENCONTRE

Na hora do desespero não se preocupe com o que ocorreu,
porque certamente não encontrará o porquê,
mas sim como você vai fazer para estancar
o que vem logo após.


Joanderson Ribeiro
15. NOV.2010

PROCEDENCIAS

Nada e comum como o hoje
Nada e tão coerente como o futuro,
E ao mesmo tempo

nada e tão interrupto como o passado.

Joanderson Ribeiro
15.NOV.2010

EXTRAAA

Findaram minhas palavras,
mais sobraram meus passos
com pés firmes e descalços.

Abandonou-me na estrada que me
levaria ao mundo, mais ainda não esta na hora voltar para ele.

Derrubaram o mundo, sobraram
meus sonhos que não conseguem matar.

Assim tenho certeza que nada será como antes, ou como o meu agora.



Joanderson Ribeiro
15.NOV.2010

ACASOS

Enquanto há silencio, há uma
paixão indefinida que não se comunica.

Depois que deixei para traz passos inacabados,
não sei por onde começar ate amar mais e mais...
amor cruel.

Passaram-se dias, mais nada pude fazer
para te ver sorrindo, solidão insignificante.

Depois que tudo passou, fui dormir,
mais não tive coragem o suficiente
para fechar os olhos.

Logo logo, adormeci e assim voltei para meu mundo,
um tipo de intimo ao extremo doce, mais ignorante.

E assim convivo com uma espécie de pavor maravilhoso...
Vida por vida, eu sigo, mais também sou perseguido.
Se eu parar pega-me e de vez acabam comigo,
com únicas esperanças sem maldades no final de tudo.

Minhas palavras, meus passos.
Um comum ao acaso

Jooanderson Ribeiro
15.NOV.2010

SUB-CONCIÊNCIA

Aos fechar doa meus olhos tudo
desapareceu em frações de segundos.

O deserto me apareceu como um presente.
As dores cessaram


O medo de perder se perdeu.

O coração que batia em
ritmo acelerado, agora se apaziguou.

O vento forte que passava perto
da minha pele, não mais se fazia presente.

Meus passos que ficaram para traz me fazem
pensar no que fiz ou deixei de fazer.

O amor que zelava tanto,
hoje não existe mais, foi-se com as dores.

O cantar do dia-dia dos passaram agora

em convidavam a estrear a minha nova caminhada.

Mais tudo voltou ao normal quando em
questão de milésimos, não quis mais ficar na
terra da fantasia chamado bruscamente por nós de sonhos.

Afinal de contas, vivo aqui e não lá.

Voltarei para acabar de uma vez por
todas com esta realidade ou sonhos de solidão.


Joanderson Ribeiro
16.NOV.2010

INDICE

Nada será capaz de deixar para traz um
passado um pouco
ultrapassado aos
olhos dos outros.
Toda asa vezes que
isso acontece, não
temos
uma vida e sim uma
brincadeira de gostar de sofre.

Joanderson Ribeiro
15.NOV.2010

PACIENTE 66

Palavras são como cortes que abrem o peito da realidade de tal modo que não temos outras escolhas.
Parece que elas são realmente algum tipo de

objeto cortante, simples mais perfurador,
com alto teor de obediência que nos propicia
a pensar mais em algum tipo de assunto que nos assusta tanto.
Afinal de contas estamos vivos e para passarmos

por aqui e deixar algum tipo de aprendizagem
ou ensinamentos para outras pessoas que estão por vim.

Joanderson Ribeiro
15.NOV.2010

VERDADES

Na terra da mentira...
falar a verdade e um
sacrificil cruel, uma
verdadeira loucura ao
pé da letra, que poderar
nos levar para a cadeira elétrica.

Joanderson Ribeiro
15.NOV.2010

14 novembro, 2010

NOVAS PALAVRAS

Não tenho o que escrever
em uma tarde fria, mais com
o sol La fora raiando, tentando
introduzir por minha pele a sua
esperança de ver tudo quente.

Talvez eu deva me levantar e
procurar por sua preocupação
que bate em minha porta a todo
instante, a todo o momento.

Poucas palavras descabidas e insaciadas, mais com algum valor
pisicologicante completo: agora basta eu levantar e sair daqui
correndo para os braços de um maravilhoso sol, que queima até
mesmo meu peito, mais não conseguiu me tirar do frio coração
gelado.

Joanderson Ribeiro
14.NOV.2010

11 novembro, 2010

MAIS EU

Poucas palavras
falam muito de mim:

Diante dos erros,
corro traz de um simples tempo.

Depois que acordo,
tento voltar para o sonho que parecia realidade.

Hoje talvez seja um tempo
de viver mais e melhor.

Tantas palavras foram ditas,
mais tudo acabou, ate mesmo estas minuciosas palavras,
ditas por minha mente e escritas pelos dedos nervosos.


Joanderson Ribeiro
11.nov.2010

EU E O TEMPO

Segundo meus passos ,
tenho andado muito
devagar em um mundo
totalmente rápido

Joanderson Ribeiro
11.nov.2010.

07 novembro, 2010

DOIS E MUITO

O Amor e mais um sentimento que nos favorece quando estamos de acordo com seus passos...
Através dele somos capazes de amar o errado e acabar de vez com o sentimento de outra pessoa.

Na realidade amar e o lado delinqüente do coração.


Joanderson Ribeiro
07.nov.2010

ACORDEI

Atraves da janela do meu quarto tenho a certeza quer o dia começou
e assim mais um dia recomeça
quando abro meus olhos e contemplo um campo completamente verde.
Passáros cantando de felicidade,
você chorando por um sonho que omite a todo instante.

Joanderson Ribeiro
07.nov.,2010

UMA, DUAS E TRÊS: ACABOU

Indecente como eu, você se torna o dobro quando
tenta se esconder atrás de um querer camuflado
lá no fundo do seu coração ou do seu engano sobre
felicidade.

Continue assim e logo chegara ao estreemo da vida
muito bem, sem nada para reparar erros de um
verdadeiro sonhador.


Joanderson Ribeiro
07.nov.2010

APELAÇÃO

"Tristezas servem para deixar passar a
dor de não ter mais aquilo que não
aproveitamos no momento certo."


Joanderson Ribeiro
07.nov.2010

A NOITE

Me contive, quando vi em minha frente a dor de não ultrapassar para o outro lado o amor insano.
Respirei fundo e em questão de segundos desceu do meu rosto um lágrima que agonizava sob meus olhos casados de te ver.
Passei a mão que limpava seu rosto todas as vezes que te via, agora com outras serventias, de me levantar sob aquela pressão que tinha me colocado.
Talvez se ao invez de um não, tivesse escutado um te amo.
Tantas emoções, e pouco viver, para um ser humano incapacitado.
Cada passo dado, cada rosa que te dei, cada pedaço de passado agora ficaram, e marcam meu viver hoje.
Tudo isso passei, porque no meio da noite acordei e vi que tudo isso era uma mentira saborosas, ou sonhos de um delinqüente que não tem mais sono.

Joanderson Ribeiro
07.nov.2010

VOLTAS

Independentemente do meu hoje, voltei para seus braços, e não me
contive quando te olhei...
minhas doces palavras que me matem vivo de acordo com meus sonhos
longos e exatos, porque sabem até onde posso ir.

Vamos, mais a frente te mato, dor insana ou amor que incomoda.

Joanderson Ribeiro
07.nov.2010

TANTO QUE SIM

O inesperado e sempre tendencioso aos olhos humanos. O talvez é sempre uma prática do suposto sim com uma leve pitada do não. Ligeiramente...