18 dezembro, 2010

SÓ HOJE


Me contive com um boa noite, em um dia conturbado onde o sol nem se quer pareceu para dar um brilho, quanto ao céu, nuvens que se movimentavam, me informavam que iria chover, e foi o que exatamente aconteceu.

Durante o cair da água do céu repleto de nuvem, que escurecia o dia, não me contive e quase que automaticamente dos meus olhos brotavam pequenas gotículas denominada por nós choro de saudades que pairavam sobre meu coração.
Logo após me contive, as enxuguei, e depois de um dia conturbado e cheios de arrependimentos pelo que não fiz, ajeitei a cama, deitei, mais não dorme, faltou-me você, ser um ser humano descompensado e logo depois dorme.

Tudo se foi, mais não acabou.

Voltei a sonhar mais nada se faz presente como a realidade conturbada, que vivo hoje, traduzidas nestas palavras, nesta folha de papel.

Sonhos inúteis.

Joanderson Ribeiro
18.DEZ.2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário