03 agosto, 2010

Estou sem palavras.
felicidade
medo, agonia desesperada
Algum tip de sentimento contrário ao seu.
Talvez se eu correse pelo bosque! não, naõ e uma boa idéia.
Se eu voltase no passdo e mudasse tudo.
Porém o tal do tudo e ao memso tempo um nada, um vazio existente, insignificante?

Continuando o que se foi, voltei de lá.
De mãos vazias, de coração apertado e passos inseguros... assim caminho
sem palavras, sem nada para escrever, mais ainda sim tento lutar pelas minha palavras.

Se foi,
Se veio,
_Não sei, você conseguiu mudar meus pensamentos, ainda querem acordar, forte e imbativéis.


Joanderson Ribeiro
03. 08. 2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário